CASO ARRUDA – PARTE 2


Não é a filha

Tudo bem que depois da separação não precisa se coligar com outra da mesma idade da ex-mulher, mas precisa ter menos da metade da sua idade?

Anúncios
Esse post foi publicado em Variedades. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para CASO ARRUDA – PARTE 2

  1. Victória disse:

    Pensei que fosse a filha dele. Só depois é que cai na realidade. Cadeia nesse salafrário pelos roubos em Brasília.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s